terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Escolta do governador mata em Nicoadala


Alta velocidade
Escolta do governador Itae Meque na Zambézia atropela uma criança mortalmente.
Estacios Valoi
23/12/10
O sinistro ocorreu sexta-feira ultima por volta das 9h45 na estrada nacional numero próximo as instalações do Fundo de Investimento para o Abastecimento de água (FIPAG) no distrito de Nicoadala em Quelimane na Zambézia
A criança de nome Florença Lourenço, de 7 anos de idade que frequentava a 1 classe na Escola Primaria de Mola, na altura encontrava-se acompanhada de mais duas adolescentes em passeio as quais, lograram fazer a travessia para o lado posto ao (FIPAG) isto, para quem se dirige a cidade de Quelimane.
Teve uma morte instantânea. Posteriormente foi removida para o hospital de Nicoadala onde permaneceu ate a realização das exéquias ultimo sábado no período entre 9.h00 as 10h00 da manha.
Alguns dos os táxis bicicletas que falaram a nossa reportagem que se encontrava em Nicoadala naquela manha e que viu a escolta passar, disseram que a criança foi atropelada por um dos carros de cor de cor vermelha e que tiveram que se atirar estrada fora num acto de sobrevivência para despistar a escolta do governador Itae Meque em comitiva de cerca de 8 a 10 carros com destino ao distrito de alto Molocue na companhia do Director da Agricultura e outras personalidades de visita a machambas.
A nossa reportagem na manha de sábado deslocou se a casa da malograda onde conversou com os seus encarregados de educação Lourenço Ramos, Bélita Armando e familiares.
Lourenço Ramos emocionado poucas palavras disse:’Pelo menos o governo deve satisfazer. Quando penso na minha filha, estou mal. Ela estava na Escola. Pelo menos o governo deve satisfazer me’.
Durante este processo segundo familiares no local, o Administrador de Nicoadala e sua equipe esteve com eles ate as exéquias assim como garantiu que tudo será feito para apoiar a família enlutada.
Por sua vez a esposa do Administrador daquele distrito ofereceu a família enlutada dois sacos de farinha de milho, 1 de arroz, 5 pacotes de acucar, 5 litros de óleo, 2 pacotes de sal, meio caixa de peixe e, deixaram o local. O Governador ‘ breaking news’, esse ainda não pôs os pés tendo sido apenas o motorista que conduzia uma 4*4 de cor vermelha levado a polícia para ser ouvido.
Medidas de austeridade Guebuzianas ineficazes.
A questão é. Serão necessários tantos carros para as visitas de trabalho incluindo no final de semana?

Na tarde desta quinta-feira passada segundo diário da Zambézia, relata que a Vila daquele distrito estava agitada e ate houve peditórios aos agentes económicos locais que, já no terreno cederam a comitiva mais de dez viaturas o que contando com as que vinha de Quelimane sobe para cerca de 20. Também foram formadas comissões para receber Iate Meque.
Naquele ponto do país ainda segundo o diário, a quem tenha rejeitado a proposta do governo em aumentar o número de viatura, assim como opiniões unânimes alegando que o dinheiro que o governante vai gastara no fim-de-semana poderia servir para a compra de equipamento agrícola no em prol dos agricultores.

Sem comentários:

Enviar um comentário